O que significa investir em opção

Gráfico (Maxim Hopman)

Compartilhe esse Artigo:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Uma opção é um contrato não para a compra ou venda em si, mas para o direito de comprar ou vender um ativo a um preço fixo em um determinado ponto no futuro.

As opções são negociadas exclusivamente em bolsa de valores.

Tipos de opções:

Existem dois tipos principais de opções: call e put.

A chamada Call dá ao adquirente o direito de comprar o ativo a um preço pré-determinado durante um período de tempo especificado. Isso é semelhante a uma posição comprada em ações: o comprador da opção de compra espera que, antes que a opção expire, o valor da ação suba acentuadamente.

Já o Put é uma opção de venda que dá ao detentor o direito de vender o ativo por um determinado preço dentro de um determinado período de tempo. Uma opção de venda é como uma posição vendida: neste caso, o comprador espera que o preço da ação caia antes que a opção expire.

Como funcionam as opções na prática

Uma opção é um contrato que dá ao comprador o direito, mas não a obrigação, de comprar ou vender um ativo especificado a um preço especificado ou em uma data especificada. Como ações ou títulos, uma opção é um título. Além disso, é um contrato juridicamente vinculativo com condições e propriedades estritamente definidas.

Para entender melhor na prática pense da seguinte forma: Digamos que você queira comprar uma casa e encontre uma opção interessante. Infelizmente, você não tem fundos suficientes e a quantia ausente aparecerá somente após três meses. Nesse caso, você pode combinar com o proprietário a seguinte transação: dentro de três meses, você tem o direito de comprar uma casa por R$ 500.000 e pagar ao proprietário R$ 10.000 por esta oportunidade.

Agora vamos considerar duas situações que podem surgir após a conclusão de tal acordo. Acontece que essa é uma casa que esta localizada em um local que valorizou muito. Como resultado, o valor de mercado da casa disparou para um milhão de reais. Como o proprietário lhe vendeu uma opção, ele é obrigado a ceder a casa pelos R$ 500.000 prometidos. Nesse caso, você pode obter um lucro de R$ 500.000.

Agora, ao contrario, digamos que você veio dar uma olhada mais de perto na casa e descobriu que as paredes estavam cheias de rachaduras, o telhado está caindo e o local não é tão bom quanto parecia. E se antes você pensava que era uma casa de sonho, agora não quer mais pensar nisso. O, porém é que você não comprou a casa, você comprou a opção, portanto não precisa comprar. Mas o fato é que você irá perder o valor da opção (R$ 10.000).

Neste exemplo, dois pontos importantes são claramente visíveis. Primeiro, ao adquirir uma opção, você obtém um direito, mas não uma obrigação. Você sempre pode apenas esperar até a data de vencimento da opção e, em seguida, jogá-la no lixo. Quando isso acontecer, você perderá 100% dos fundos gastos na compra. Em segundo lugar, uma opção é um contrato sobre um ativo subjacente. Uma opção pode ser chamada de derivativo financeiro ou derivativo porque seu valor é indireto. Em nosso exemplo o ativo subjacente é uma casa, mas geralmente uma ação ou um índice.

O comprador da opção pode, a qualquer momento, abandonar o negócio se este não for lucrativo para ele, mas o vendedor não o faz. Se o comprador da opção decidir exercer seu direito de comprar ou vender o ativo pelo preço garantido, o vendedor da opção será obrigado a cumprir o contrato. Portanto, as opções são vendidas apenas por investidores experientes, que são capazes de prever o preço futuro dos ativos.

Quando vale a pena comprar e vender opções?

Faz sentido comprar opções para reduzir os riscos ao lidar com ativos, cujos preços oscilam forte e imprevisivelmente. Na verdade, para o comprador, uma opção é um “seguro” contra possíveis perdas. Em caso de recusa do negócio, ele simplesmente perde o pouco dinheiro que pagou por esse “seguro” o prêmio para o vendedor da opção.

Mas apenas investidores muito experientes, que são mais capazes de prever o movimento do preço de um ativo real, podem ganhar dinheiro com a venda de opções.

Então, antes de entrar nesse mercado tão arriscado, procure estudar e entender como funciona.

Se quiser saber mais sobre essa modalidade de investimento, entre no nosso canal do Telegram e se junto ao nosso time.

Inscreva-se em nossa newsletter

Fique por dentro de todo o nosso conteúdo com os melhores do mercado!

Artigos relacionados

crescimento do emprego nos EUA desacelera (Reprodução Reuters)
Economia

Criação de vagas de emprego nos EUA desacelera

Conforme os dados de emprego divulgado nesta sexta-feira (3), a criação de novas vagas de emprego nos EUA desacelerou consideravelmente em novembro, em meio a

O Ticker 11 é o seu portal de informações sobre investimentos para aprender mais e acompanhar o mercado da melhor forma.

Faça parte do nosso grupo!

Entre para o nosso canal de Fundos Imobiliários no Telegram! São notícias diárias e links especiais sobre Fatos Relevantes, Relatórios Gerenciais e muito mais conteúdo sobre FIIs. Tudo para você ficar por dentro de todas oportunidades.

Fale conosco:

Estamos aqui para lhe ajudar! Fique à vontade e nos envie uma mensagem!

Economize tempo e dinheiro investindo com a Ticker 11!

Nossos especialistas acompanharão o mercado pra você e trarão as melhor oportunidades em um relatório semanal com carteira recomendada de alta performance!