Como funciona a economia do Brasil

COMO FUNCIONA A ECONOMIA DO BRASIL(1)

Compartilhe esse Artigo:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

A maioria dos brasileiros parece demonstrar pouco interesse sobre assuntos referentes à economia do país e por vezes pode-se até dizer que não se interessam porque não tem qualquer relação ou influencia em suas vidas. Mas enganados estão, porque a economia está presente diariamente em nossas vidas e praticamente dependemos dela para sobrevivermos em uma sociedade capitalista e extremamente consumista.

A economia pode parecer difícil de entender em um primeiro momento e é por isso que a maioria das pessoas prefere nem se aprofundar do assunto. Mas ai é que está o grande problema, porque quanto menos entendermos mais enganados poderemos ser. Ela está cercada sim de conceitos e siglas difíceis e até bem parecidas uma das outras, parece ser coisa de outro mundo para que pessoas comuns não possam decifrar. E é isso que os grandões do mercado financeiro esperam: que não venhamos saber verdadeiramente como a economia funciona para engolirmos exatamente o que eles querem impor para nós. 

Economia é sim o assunto mais importante de nossas vidas e somos totalmente influenciados por ela. Duvida disso?

Pois bem, já parou para pensar quantas vezes você reclamou dos preços do supermercado nos últimos meses? Ou talvez aquela tentativa de financiar um carro e não ter coragem devido aos juros abusivos? Tudo isso tem haver com a economia do país.

Os preços estão altos devido à alta inflação que estamos passando aqui no Brasil. Tudo isso vem agregado com diversos fatores, que logo você estará tirando de letra como funciona essa misteriosa engrenagem econômica.

Por mais que você não entenda de fato o que é a inflação, você sabe que ela interfere nos preços, já que é isso que os jornais vêm falando todos os dias no horário nobre.

 Aqui no Brasil, nós temos a CMN (Conselho Monetário Nacional), que é um grupo de pessoas que se juntam para determinar a meta de inflação do ano. Depois que essa meta é estabelecida, compete ao Banco Central (BC) tentar manter esse objetivo, sem deixar ultrapassar muito do limite estabelecido.

O grande problema é que controlar a inflação não é algo tão fácil, isso porque eventos imprevisíveis podem acontecer a qualquer momento. Um bom exemplo que temos disso é a pandemia, o principal fator que vem desestabilizando a inflação não só do Brasil, como do mundo inteiro.

Nessa tentativa de controlar a inflação o Banco Central precisa utilizar algumas ferramentas. A primeira ferramenta que ele tenta regular a economia é através dos Juros. Os juros definem o custo de oportunidade que temos com o dinheiro disponível. No Brasil a nossa taxa básica de juros se chama Taxa Selic. E é o Banco Central que define o valor dela.

Quando a taxa Selic está baixa, aumenta a viabilidade para que a população possa fazer financiamentos, empréstimos e até realizar mais gastos com o cartão de crédito. Ao reduzir a taxa Selic os bancos permitem que os créditos fiquem mais baixos para os consumidores.

Crédito acessível estimula mais o consumo. Se as pessoas compram mais, as empresas que vendem para a população ficam com mais dinheiro em caixa para poder reinvestir em seus projetos e aumentar a economia de um modo geral, como por exemplo, o aumento de vagas de empregos.

Porém, quando a Taxa Selic está muito baixa os rendimentos em investimentos em renda fixa ficam mais baixos também. Com isso investidores de renda fixa, que costumam investir em títulos do governo se veem obrigados a retirar seus investimentos e aplicar em investimentos privados, ou seja, na renda variável que engloba essas empresas citadas acima.

Com as empresas e os investidores investindo mais, as ações dentro da bolsa também tendem a subir, se valorizando e aumentando o patrimônio tanto para as empresas quanto para os acionistas.

Parece ser tudo perfeito não é mesmo? E realmente seria se a engrenagem pudesse se manter sempre nesse ritmo. Porém, como dito anteriormente, combater a inflação é algo muito difícil e é por isso que estamos com uma economia tão desestabilizada atualmente.

Com a pandemia e o Brasil tendo que parar, muitas empresas foram fechadas, muitas pessoas perderam seus empregos, enfim, virou o caos e o Banco Central se viu obrigado a fazer a engrenagem trabalhar ao contrario. A quantidade de produtos diminui, e tudo que está em pouca quantidade tende a se valorizar e é ai que aparece a inflação.

Com um cenário de inflação alta o Banco Central precisa aumentar a Taxa Básica de Juros, com isso os bancos precisam aumentar os seus juros e a população não consegue mais consumir. Com menos consumo a produção das empresas diminuem. Ela desaquece a economia e causa um efeito ainda mais indesejado que é a perda de empregos.

Aqueles investidores do setor privado migram para o setor público, observando as boas oportunidades dos Juros. Para tentar combater a crise econômica o governo precisa cada vez mais de empréstimos e por isso as oportunidades de investimento em títulos públicos aumentam.

Poderia ser uma boa solução se os empréstimos fizessem a engrenagem voltar para os eixos, porém não é isso que acontece. O governo usa esse dinheiro para fazer reparos de curto prazo, criando programas sociais. Ele escolhe o caminho fácil que é dar dinheiro para os pobres, combatendo a fome momentânea. Com isso acaba estimulando o problema ao usar seus gastos de forma populistas. É algo ainda mais prejudicial aos menos favorecidos porque são eles mesmos que vão sofrer com a inflação alta, já que uma pessoa mais preparada financeiramente consegue se manter em períodos de crise.

Por isso nosso país precisa focar no incentivo a produção de riqueza que visão soluções a médio e longo prazo. Precisamos evitar a inflação ao máximo, porque com a inflação baixa as pessoas podem planejar melhor as suas vidas.

Nosso país é muito rico, o que somos carentes é de educação financeira. Para a engrenagem funcionar corretamente daqui alguns anos ou décadas essa educação deve começar agora, desde muito cedo nas escolas. É assim que países de primeiro mundo fazem e dessa maneira que eles conseguem reverter situações de crise com mais tranquilidade.

Esse artigo foi útil para você? Se quiser conhecer mais sobre investimentos em renda variável ingresse agora mesmo no nosso canal de ações.

REFERÊNCIA: COMO FUNCIONA a economia. Youtube, 2021. 1 vídeo (17:32). Publicado pelo Jovens de Negócio. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=1ulzj3dJ4EA. Acesso em: 22 set. 2021

Inscreva-se em nossa newsletter

Fique por dentro de todo o nosso conteúdo com os melhores do mercado!

Artigos relacionados

crescimento do emprego nos EUA desacelera (Reprodução Reuters)
Economia

Criação de vagas de emprego nos EUA desacelera

Conforme os dados de emprego divulgado nesta sexta-feira (3), a criação de novas vagas de emprego nos EUA desacelerou consideravelmente em novembro, em meio a

O Ticker 11 é o seu portal de informações sobre investimentos para aprender mais e acompanhar o mercado da melhor forma.

Faça parte do nosso grupo!

Entre para o nosso canal de Fundos Imobiliários no Telegram! São notícias diárias e links especiais sobre Fatos Relevantes, Relatórios Gerenciais e muito mais conteúdo sobre FIIs. Tudo para você ficar por dentro de todas oportunidades.

Fale conosco:

Estamos aqui para lhe ajudar! Fique à vontade e nos envie uma mensagem!

Economize tempo e dinheiro investindo com a Ticker 11!

Nossos especialistas acompanharão o mercado pra você e trarão as melhor oportunidades em um relatório semanal com carteira recomendada de alta performance!