5 Dicas simples para investir em Fundos Imobiliários

Prédios (Philipp Birmes)

Compartilhe esse Artigo:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Essas dicas para investir em Fundos Imobiliários são principalmente para aqueles investidores iniciantes para que assim possam reduzir as chances de errar.

Para quem está começando no mercado de investimentos é natural surgirem diversas dúvidas sobre como escolher seus ativos, como diversificar sua carteira e se existe uma maneira de evitar riscos.

Hoje o mercado de investimentos é formado por dois terços de investidores novatos. Entenda que é impossível não errar, até porque a gente aprende com os erros. Mas é possível reduzir as nossas chances de errar com algumas dicas simples.

Essas são algumas dicas para evitar erros:

1º Dica: Tenha de 8 a 12 Fundos Imobiliários na sua carteira

Por que essa quantia tão restrita se existe tantas possibilidades no mercado imobiliário? Se você ter acima de 12 Fundos você não consegue ter tanto retorno, fica mais difícil de controlar, ler relatórios e fazer uma análise adequada antes de investir. Enquanto abaixo de 8 você acaba ficando concentrado em fundos específicos. Então de 8 a 12 pode ser um número ideal. Dá para diversificar e se expor a segmentos diferentes.

Essa diversificação pode dar mais trabalho na hora de declarar o imposto de renda, mas se torna uma grande proteção caso algum desses fundos venham quebrar.

Quem está começando não precisa começar investindo em todos esses fundos, vai investindo aos poucos. Comece com uma pequena parte do seu patrimônio e conforme for entendendo o funcionamento do mercado você pode expandir sua carteira.

2º Dica: Comece com Fundos maiores

Compre primeiro os fundos de grandes segmentos como logística, lajes, shoppings e papéis. Porque eles são mais antigos e maiores.

Por isso é tão importante o estudo antes de começar a investir. Você deve estudar cada segmento, saber como funciona e o que faz parte desse portfólio.

Em FIIs maiores você também encontra dados com mais facilidade, além de geralmente apresentarem uma melhor gestão.

3º Dica: Diversifique os segmentos

É legal ter de 2 ou 3 FIIs de cada segmento. Dessa forma você reduz o risco de um fundo imobiliário especifico tendo dois ou três FIIs de um determinado segmento.

Entenda que não existe o fundo perfeito ou o fundo ideal. Cada um tem sua própria estratégia, sua dinâmica de trabalhar.

4º Dica: Não compre Fundos Imobiliários que tenham somente um imóvel.

Se você já veio para o investimento em FIIs para fugir do mercado tradicional, então isso não faz sentido algum. Você veio para diversificar e minimizar seus riscos.

Investindo em FIIs com um portfólio maior reduz o risco de o seu patrimônio estar concentrado em um único imóvel.

Outro ponto importante também e não se engane, pode ser comum de acontecer, é o FII ter vários imóveis alugados para um único inquilino. Por mais que a empresa que efetuou aluguel seja um gigante, ela também pode quebrar ou simplesmente precisar diminuir custos e o aluguel também está incluso nessa redução.

Evite esse tipo de fundo pelo menos no início. Quando estiver mais adaptado ao mercado e souber analisar bem um fundo e o seu portfólio você pode se arriscar.

5º Dica: Anote a sua tese de investimento.

Escreva as razões pela qual você fez determinado investimento. Assim você evita desesperos em caso de crises. Em momentos de crise você pega sua tese e analisa melhor o que deve fazer.

Não aja movido pelas emoções do mercado. Por isso todo investimento deve ter um fundamento que faz sentido para o próprio investidor.

Essas dicas foram relevantes para você?

Se quiser saber ainda mais sobre Fundos Imobiliários se inscreva no nosso canal Clicando aqui.

Inscreva-se em nossa newsletter

Fique por dentro de todo o nosso conteúdo com os melhores do mercado!

Artigos relacionados

Loja Habitarte 2 (Divulgação Sequóia)
Fundos Imobiliários

Conheça o Fundo Imobiliário SEQR11

O fundo do SEQR11 não vem do mercado financeiro e sim do mercado imobiliário. Os trabalhos da Sequóia começaram a mais de 30 anos, ao

Pirâmide (Thais Cordeiro)
Educação Financeira

O que é um esquema de pirâmide?

Os esquemas de pirâmide são ilegais e muito arriscados ao qual costumam ser vendidos como investimentos de “enriquecimento rápido”, mas que na verdade podem acabar

O Ticker 11 é o seu portal de informações sobre investimentos para aprender mais e acompanhar o mercado da melhor forma.

Faça parte do nosso grupo!

Entre para o nosso canal de Fundos Imobiliários no Telegram! São notícias diárias e links especiais sobre Fatos Relevantes, Relatórios Gerenciais e muito mais conteúdo sobre FIIs. Tudo para você ficar por dentro de todas oportunidades.

Fale conosco:

Estamos aqui para lhe ajudar! Fique à vontade e nos envie uma mensagem!

Economize tempo e dinheiro investindo com a Ticker 11!

Nossos especialistas acompanharão o mercado pra você e trarão as melhor oportunidades em um relatório semanal com carteira recomendada de alta performance!